Facebook Twitter RSS

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

James Cameron se envolve em produção de Battle Angel Alita


E não é que o James Cameron, diretor de cinema que mais sabe vender filme em Hollywood, está envolvido em mais uma produção? Mas isso não é novidade para ninguém, a diferença é que dessa vezo filme será uma adaptação do mangá Battle Angel Alita, também conhecido no Brasil e no Japão como Gunn. Só eu que fiquei surpreso com isso? Cameron ficou famoso por seus filmes extremamente rentáveis como Avatar e Titanic, os dois filmes com maior sucesso de bilheteria da história do cinema.

Mesmo após dar uma entrevista ao The New York Times dizendo que não estava mais interessado em sair da franquia Avatar, prometendo Avatar 2 e 3, o diretor disse também que Battle Angel era um de seu contos favoritos, mas sem afirmar nada de relevante em relação a produção de um possível filme.

Após estes depoimentos, James não tocou mais no assunto. Porém, esta semana em entrevista para o site de cinema sueco Moviezine, ele voltou a falar sobre o mangá e disse que tem planos sim de adaptar a história para os cinemas.
O produtor Jon Landau, que trabalha com Cameron na produção de avatar afirma que eles estarão focados em Avatar pelos próximos 4 ou 5 anos, e que, após os filmes, eles iriam trabalhar no mangá de Yukito Kishiro.

 “Depois de tudo... Tenho certeza de que você verá [o filme]; É uma das minhas histórias favoritas. (…) É um filme que traz a questão: O que significa ser humano? É ter um coração? É ter uma mente? É ter uma alma? E eu espero trazer esse filme ao público".

Para quem não sabe, Battle Angel é uma serie de mangás criada por Yukito Kishiro em 1990. Passa-se em um cenário pós-apocalíptico futurista e retrata a história de Alita, uma ciborgue que perdeu toda a memória e foi achada no lixo por um doutor especialista cibernética que a reconstrói, mais tarde ela se recorda de uma técnica lendária de artes marciais criada por outros ciborgues chamada Punzer Kunst, fazendo com que ela se torne uma caçadora de recompensa.


 Será que finalmente veremos uma boa adaptação de um mangá, ou mais uma vez será só decepções?

Postagem com contribuição de Victor Hugo de Moura

Compartilhe esta postagem

0 comentários: